Tudo que você precisa saber sobre Backup em Nuvem!

O que os cyber-vendedores e web-vendedores de CloudComputing não vão te contar!

Tudo que você precisa saber sobre Backup em Nuvem!

Nesta semana me surpreendi com um dado que estava orbitando em meu cotidiano há algum tempo e que ainda não tinha parado para analisar.
Sempre me pergunto: por que as pessoas têm tanta vontade de resolver seus problemas de cotidiano, da forma aparentemente mais simples?

Por que as empresas procuram seguir as tendências ou os modismos?

O Brasil está vivendo há alguns anos uma onda pessimista por conta de uma crise econômica e política; essa situação gera um turbilhão de informações e constrói um estado de alerta nas empresas, potencializando os esforços de cortes com despesas. Esses cortes chegam ao ponto de ultrapassar as “gordurinhas” e invadir a musculatura das empresas, colocando em risco seus processos e seu futuro. É como se alguém, para emagrecer, cortasse uma perna ou um braço… Parece ridículo, mas alguns braços e pernas das empresas não estão tão perceptíveis aos setores de gestão financeira.

É como um cérebro que não enxerga todos os agentes propulsores do negócio e, assim, subestima sua importância ou, até mesmo, os considera desnecessários.

Todo esse processo de readequação financeira, com cortes de despesas, acaba enxergando os “produtos” que o mercado oferece através de campanhas maciças de marketing digital como potencializadores de difusão em massa. Contudo, esse novo mundo de pluridivulgação limita o tempo de abordagem. Ele inibe o papel do “consultor em vendas”, que antigamente propagava informações específicas, escutando e interpretando as necessidades dos clientes.

Hoje essa função acessória está reduzida a quase zero. Ninguém quer perder mais tempo para um bate-papo com um vendedor que muitas vezes aparenta estar oferecendo algo que o cliente não precisa. Com essa nova realidade, perdem-se, também, oportunidades de ampliar o campo de avaliação das reais necessidades e riscos interligados. Antigamente, era comum esse “consultor” gratuito ajudar o cliente com informações específicas ou experiências de outros clientes que viveram os mesmos problemas que você está vivendo agora… Um benchmarking gratuito! O afastamento interpessoal entre vendedor e cliente enfraqueceu esse aspecto, que antes era de grande valia.

Em síntese, antes, e hoje, muitas vezes o cliente sabe que precisa de alguma coisa, mas não sabe bem o que ou qual solução é a mais adequada. Assim acontece em todos os setores da empresa, incluindo os de T.I. e os de segurança da Informação. Esse é o tema deste artigo.

Conversando com o time de vendas da minha equipe, extraí uma “pesquisa empírica”, com os principais desejos dos “caras” de T.I. das empresas com as quais lidamos no dia a dia, para seus assuntos de segurança de dados e de seus Backups. Deste universo de questionamentos, extraímos a síntese em 3 máximas:

1. Não queremos gastar recursos com equipamentos, insumos e, mesmo, pessoas para realizar tarefas diárias na geração dos backups.

2. Hoje o mercado está evoluindo para serviços de Cloud Computing, e temos que acompanhar as tendências tecnológicas.

3. Reunindo as forças das duas máximas anteriores, precisamos reduzir os custos do departamento a qualquer custo. (Traduzindo “qualquer custo”, como sendo “qualquer que seja o risco”)

Na tentativa de reviver a figura do velho “consultor de vendas”, vou me arriscar a dar umas “dicas” que ajudem os gestores, os administradores e, inclusive, os “caras” de T.I., nas suas análises.

Tecnologias que evoluem muito rápido transformam a penúltima versão de alguma coisa totalmente obsoleta, antes que a empresa possa depreciar seu investimento financeiro e, às vezes, até antes de ter o orçamento de upgrade aprovado. Junte a este problema todo o processo repetitivo com a compra de insumos (fitas) e a gestão de almoxarifado para controlar o ponto de ressuprimento, garantindo que não foi feito estoque de mais ou de menos, sem pensar nos processos de compras, muitas vezes burocráticos, com múltiplas cotações e análise de fornecedores, etc. Por fim, o maior dos problemas que a humanidade contemporânea quer eliminar: Gente! Não precisamos de gente… Isso assusta, mas está acontecendo de forma muito rápida e generalizada no mundo todo. Porém isso não vem ao caso. Vamos focar apenas no campo da economia financeira, com redução de processos, e, por conseguinte, de operadores.

Uma análise longa para uma solução rápida e direta, eu poderia dizer, em linguagem moderna:

BPO (Business Process Outsourcing), em resumo, a boa e velha… Terceirização!

É preciso separar cada conceito e conhecer as diferenças para os serviços de Cloud Computing. Em linhas rápidas, Cloud Computing envolve desde softwares que rodam na web até máquinas e servidores virtuais rodando em um ou muitos datacenters, espaço de armazenamento e serviços de rede e infraestrutura virtualizados.

Nessas “nuvens” encontram-se plataformas de desenvolvimento de sistemas e processos, robôs para automatização de tarefas cibernéticas e, até mesmo, nosso alvo, que é o Backup dos dados e a segurança dessa informação.

Vamos dividir a segurança dos Backups em dois grupos:

1. Segurança dos dados contra invasão não autorizada ou cyber sequestro etc.

2. Segurança que o Dado estará disponível de forma integral e recuperável.

Tratando agora deste segundo tipo de segurança, sem esquecer do primeiro, é claro, será necessário saber o que é um “Backup” em essência. Serviços de espelhamento (sync), que são serviços de sincronismo de um ou vários computadores e processos, não são Backup. Mas isso acho que você já sabe! Backup é mesmo uma cópia, uma fotografia dos dados, em ambiente externo, seguro, completo, com versões controladas e acessível.

A palavra acessível é o ponto que coloca em xeque os serviços em Nuvem. Você pode criar caminhos seguros para enviar os dados para o Datacenter… isso é a modernidade e a tecnologia a seu serviço! Contudo, você deve pensar também em trazer os dados de volta quando precisar. Esse é o “Calcanhar-de-Aquiles” do negócio.

Vamos fazer uma conta!

Imagine a situação em que o seu Backup tem 5 TB (cinco terabytes), está lá guardado no Datacenter protegido, e você precisa dele urgente porque seu negócio parou. Você precisa saber fazer esta conta!

Para trazer esses dados via web, com um link dedicado de 100Mbps, veja bem, dedicado é 100 % efetivo e disponível exclusivo para essa rotina, você vai levar, no mínimo, algo em torno de 110 horas para fazer o Desaster Restore.

Pense, já que são quase cinco dias baixando os dados. Porém, se você tiver os dados em uma mídia transportável, por exemplo, duas fitas LTO 5, gastará, no processo em si, algo como 2 horas para cada fita, ou seja, incluído o tempo de deslocamento da fita da Sala de Segurança OFFSITE até o seu servidor, dependendo do seu contrato com a empresa de BPO, você vai ter seus dados de volta em cerca de 6 horas em média (¼ de um dia, ou vinte vezes mais rápido!).

Pense em como essa diferença, de 110 para 6 horas, pode salvar seu negócio! E quanto pode representar em mitigação de perdas!

Custos de Armazenagem de Backups em uma Sala de Segurança OFFSITE!

Fechando o assunto, os serviços de Nuvem oferecem ao mercado custos que giram entre R$ 0,40 a R$ 0,60 por GB. Um serviço de OFFSITE, em nível de BPO, ou seja, terceirizando os processos, custará em média de R$ 0,02 a R$ 0,04 por GB, incluído o custo da Fita, isto é, 500% mais barato, seguro e, ainda assim, será um produto de vanguarda tecnológica, em linha com o conceito de Cloud Computing.

Fontes:

https://www.techopedia.com/definition/13776/business-process-outsourcing-bpo
https://www.itdirectorship.com/insights/importance-of-offsite-backups
https://www.minhaconexao.com.br/blog/voce-sabe-como-e-medida-a-velocidade-de-download/

SOBRE O AUTOR

“Laert Perlingeiro Goulart, é Engenheiro Civil formado pela Universidade Católica de Petrópolis, atuou como empresário da construção civil até 2005 quando tornou-se executivo de uma empresa de Logística, onde atuou ate 2017. Hoje é executivo de uma empresa de T.I. voltada para tecnologia de gestão de documentos, arquivos digitais e backup. Nas horas vagas gosta de tirar fotos e apreciar uma boa cerveja artesanal e compartilha isso no seu Instagram @laert.goulart

Rua Comandante. Vergueiro da Cruz, 119 - Olaria

FALE AGORA CONOSCO

21 97018-8925

Aceitamos Cartão de crédito e débito. Parcelamos em até 3x sem juros.

Fechar
WhatsApp